209 visualizações

As provas para obtenção dos Títulos de Especialista em Angiologia e em Cirurgia Vascular, e do Certificado de área de atuação em Angiorradiologia e Cirurgia Endovascular registraram a participação de 253 candidatos este ano.
Resultado de meses de trabalho da Banca Organizadora e de discussões intensas que levaram em consideração sugestões e críticas dos associados, o modelo de aplicação de provas foi modernizado.
A atual gestão contratou a empresa Fundep, com larga experiência em concursos, e terceirizou os exames. “A retirada de nós médicos das salas tornou o processo mais confortável para os candidatos. Cada um teve um computador individual, o que possibilitou assistir as imagens de cada questão por várias vezes. O nosso objetivo foi proporcionar um processo de avaliação ainda mais equânime”, declara o Presidente, Dr. Roberto Sacilotto.
O novo formato foi elogiado por muitos candidatos. Para a Dra. Nathalia Cardoso (SP), que prestou a prova para obtenção de certificado de área atuação em Angiorradiologia e Cirurgia Endovascular, a organização permitiu uma oportunidade mais justa de avaliação. “Cada candidato tinha seu próprio computador e podia voltar quantas vezes quisesse a uma determinada questão”, afirma.
A Dra. Lorraine Atala, de Manaus (AM), prestou concurso pela primeira vez para obtenção do Título de Especialista em Cirurgia Vascular. “A prova englobou temas com enfoque no que os profissionais vasculares estão habituados a ver no dia a dia e sem rodapé de livro. Achei positivo”, diz.
O Dr. André Chacon, natural de Natal (RN), também tentou prova para Título de Especialista em Cirurgia Vascular pela primeira vez. “O novo modelo trouxe uma empresa especializada em realização de concursos. As provas apresentaram um formato com perguntas diretas e mais fáceis de entender.”
O Dr. Marcos Manhanelli, de Sorocaba (SP), declara que a terceirização blinda os alunos e a banca, evitando constrangimentos e atritos entre os profissionais que convivem na prática diária. “Foi uma prova bastante abrangente. A maioria com questões concernentes ao dia a dia do Cirurgião Vascular”, declara.

 

Compartilhar
Ir para o Topo